20 de set de 2010

Relato de vivência da Irmã Deisy em Uganda

Nos dias 30 de agosto e 08 de setembro, os alunos do 5º ao 9º ano, prestigiaram em nossa escola, a palestra com a Irmã Deisy, missionária comboniana que vive há 4 anos em Uganda - continente africano.
A Irmã Deisy nos relatou sobre a situação política, cultural, educacional, guerras e belezas naturais. Principalmente sobre a visão errônea que alguns livros e a própria mídia passa, que a África é só pobreza e fome.
Porém, é um continente que as pessoas não têm oportunidades e a corrupção como consequência, para a sobrevivência.
"Diz a Aux. de Educação Aline Rúbia de Souza Padilha."

26 comentários:

Anônimo disse...

Num lugar abalado pelas guerras civis,pelo banditismo,etc, o trabalho do cristão influencia muito na vida das pessoas e principalmente na vida dos adolescentes e das crianças; para que não cresçam traumatizados. A Irmã Deise é um motivo de orgulho para nós joinvilenses, pois, vemos um de nós fazendo pelo próximo.

Jeferson 9ª Ano A

Anônimo disse...

Esta palestra foi importante para a noção psicológica de que o mundo não é perfeito, em lugar algum, nem no Brasil, nem na Uganda, nem em lugar algum na face do planeta.






Matheus Vieira Schmidt
9º ano "B"
CAIC professor Mariano Costa
20/09/10

Anônimo disse...

achei muito power, nois aprendemos muitas coisas sobre a cultura de Uganda Na Africa.
Thau irmã Deisy
kkkk....

Anônimo disse...

foi muito bom saber que uma freira brasileira tem o interesse em participar de uma escola interna de um pais Africano, o que achamos meio chato foi nos querermos saber apenas sobre a parte de desgraça daquele pais e não se interessar com a parte das belezas por que pela fama de que muitos países daquele continente ser pobre muita gente só se interessa pela desgraça e tristeza deles, como as doenças e as formas de que são feitas as casas, mas a palestra foi ótima, divertida, informativa e educativa. Pois somente uma pessoa que vivencia em meio disso pode falar exatamente e com clareza as realidades boas e ruins de lá.

Alunos:Wellinton Thiago Depaoli nº:27
Bruna Helena Rech nº:3

Ano: 9º ano B

Anônimo disse...

achamos muito legal e interessante, foi uma explicação bem elaborada agradecemos sua participaçao na nossa escola foi super útil para nós.

por:
Jerdeson V.S. Cardoso

João G. Maia

XD

Anônimo disse...

Nessa palestra aprendemos muito sobre Uganda, como são as pessoas, os costumes e as dificuldades que enfrentam neste país. É um país pequeno, com muitas belezas naturais, porém são muito pobres e não utilizam muito de tecnologia.As mulheres não possuem muito espaço e a cultura desse país ainda é muito primitiva. O trabalho da Missionária Deisy é muito importante, pois além de educar jovens lhe trazendo a oportunidade de ser alguém na vida tem como base as religiões e a pacificação.

Alunas: Alexandra Caroline da Silva.
Fernanda C. S. da Silva.
Ano: 9°B.

Anônimo disse...

Achamos muito importante , porque assim agente para pra pensar no que o mundo está passando !




Matheus / Luiz Guilherme
9º ano "B"

Anônimo disse...

A Irmã Deisy nos contou sobre muitas coisas interessantes sobre Uganda e mostrou que a África não e so pobreza e fome.Tem muitas coisas legais bonitas e realmente.



Alunas:Patricia Kuhnen.Nº21,
Maria Luiza Padilha dos Santos
serie:9ºB

Anônimo disse...

Nós achamos muito legal o trabalho da irmã Deisy na África pois conhecemos o dia a dia deles e como é a rotina deles como é a escola delas e como é a histeria sofrida delas e como foi o tempo de guerra no pais delas e como é o saneamento básico .

Nathan & Matheus Mariano

Anônimo disse...

Achamos que é uma experiência de vida interessante , pois não são todas as mulheres que viram freiras , e que conseguem dedicar suas vidas para pessoas " necessitadas " . Uganda é um lugar pobre , com um estilo de vida muito diferente . Gente sem estudos , analfabetos , pessoas com muitas estórias de sofrimentos que passaram , com dificuldades de arrumar um bom emprego para manter a família e se manter também . Bom , nossa opinião é que não devemos reclamar do que temos , porque , temos tudo ao visto dessas pessoas .

Alunas : Beatriz & Jackeline
Ano : 9 º "B" .

Anônimo disse...

oi muito bom saber que uma freira brasileira tem o interesse em participar de uma escola interna de um pais Africano,Uganda é um lugar pobre , com um estilo de vida muito diferente . Gente sem estudos , analfabetos , pessoas com muitas estórias de sofrimentos que passaram , com dificuldades de arrumar um bom emprego para manter a família e se manter também

Anônimo disse...

Foi muito interessante, vimos que no país da Uganda existe desigualdade social. o que mais me chamou a atenção é que muitas meninas da quela escola forão sequestrada mas com a inscistência de uma das irmãs os sequestradores deixaram algumas voltarem.


Marcio
vinicius
9 B

Anônimo disse...

muito bom, tomara que ela ajude bastante elas la .

Escola : CAIC profº mariano costa

Aluno : João Paulo Lentz

8º B

Anônimo disse...

O trabalho da Missionária Deisy é muito importante, pois além de educar jovens lhe trazendo a oportunidade de ser alguém na vida tem como base as religiões e a pacificação.O trabalho da irmã Deisy na África é legal,pois conhecemos o dia a dia deles e como é a rotina deles como é a escola delas e como é a histeria sofrida delas e como foi o tempo de guerra no pais delas e como é o saneamento básico. Achamos muito importante , porque assim agente para pra pensar no que o mundo está passando.
PARABENS

Daniel Alves 8° ano B

Anônimo disse...

A palestra que assistimos nos mostrou muito sobre Uganda.Mostrando como é sua estrutura politica, ambiental e social vividas pela população de Uganda.Além histórias de vida que nos motivaram ainda mais a reconhecer e a valorizar o que temos.


Nome:Isabel Carolina M. Leite
Série: 8º ano B

Anônimo disse...

Vimos que Uganda é um lugar pobre, as pessoas não tem estudos, são analfabetos,e as pessoas tem dificuldades de arrumar emprego.Enfim eles vivem com um estilo de vida bem diferente da nossa.
Apendemos muito com a palestra, e ela foi bem interessante.

Nomes: Julia Wiese e Valder Hoffmann Santos.
Série: 8ºano B

Anônimo disse...

A palestra foi legal porque ela contou sobre a dura vida do povo africano . falou sobre quando os guerrilheiros entraram no colégio e sequestraram as meninas . falou bastante coisas que fazem a gente pensar na vida deles , e não reclamar da nossa .

Aluno :João Paulo Lentz
Escola : CAIC prof° mariano costa
8ºb

Anônimo disse...

Achei muito legal a palestra da irmã Deisy, sobre Uganda. Esse país possuí um estilo de vida muito diferente do nosso, costumes, alimentos, tradições etc. É um país pobre mas com uma grande riqueza cultural, e que passou por muitas dificuldades ao longo de sua existência, principalmente em relação as invasões feitas pelos guerrilheiros no colégio onde a irmã dá aula, para pegar as garotas e levá -las para o seu chefe onde seriam escravizadas de varias formas. O país também oferece uma grande beleza natural. Ela não esqueceu nenhum detalhe importante para contar, por isso acho que foi uma palestra muito boa.

Lucas Augusto De Souza
8º ano B

Anônimo disse...

Achamos muito interessante a vida que a irmã Deyse escolheu. Ela contou muitas histórias de como é a vida difícil la em Uganda. Era uma escola interna só para meninas, onde elas ficavam aproximadamente 9 anos só estudando, elas tinham a cabeça raspada para evitar piolhos, etc.

Alunas: Heloisa & Ana Luiza.
Série: 8º ano B.
CAIC- Professor Mariano Costa.

Anônimo disse...

A Irmã Deisy nos mostrou como é a realidade da Uganda, na África. Ela mostrou como eles vivem, seus costumes, e sua história.

Aluno:Patrick
Série:8º"B"

Anônimo disse...

Achei muito legal,pois ela relata como é seu cotidiano em Uganda.Ela nos mostrou como é seu trabalho no colégio interno só para meninas que perderam sua familia.Nos contou que la a vida era muito dificil ,pois o presidente implatava um regime militar.
Muitas vezes os soldados soldados guerilheiros invadiam a escola raptavam as meninas.

Anônimo disse...

Foi muito bom saber que uma brasileira tem o interesse em participar de uma escola interna de um pais Africano, o que achamos que foi chato nos querermos saber apenas sobre a parte de desgraça daquele pais e não se interessar com a parte das belezas por que pela fama de que muitos países daquele continente ser pobre muita gente só se interessa pela desgraça e tristeza deles, como as doenças e as formas de que são feitas as casas, mas a palestra foi ótima.Eu e a natalia gostariamos de conhecer a escola de la pois achamos que a escola era educativa e com um bom aprendizado mas isso infelismente nao poderemos.....beijos!!!


Rafaela e Natalia 8ºb

Anônimo disse...

Foi uma palestra inteligente e consciente a respeito de nos demonstrar que nos paises pobres como Uganda a escola é bem rigida. Meninas de 13 anos tinham a cabeça toda raspada, seus pais podiam visitalas no colégio apenas uma vez por mês. Não podiam sair para lugar nenhum, um dos seus divertimentos era ler, oque gostavam muito.

Leo e Rhuan
8º B

Anônimo disse...

Estava fazendo um curso quando acessei este blog. Muito interessante, parabéns pelo trabalho!

Anônimo disse...

Parabéns pelo blog.
Visite o nosso, e deixe sua opinião.. escolawaldemarhigino.blogspot.com/
estamos começando agora...sua opinião será muito importante para nós

Jaciara da Silva disse...

Olá,

Sou professora em Joinville e trabalho com turmas de EJA, Ensino médio e fundamental. Foi um prazer encontrar seu blog no portal do professor.
Espero que possamos trocar idéias e experiências.

Abraço