16 de out de 2012

TSURU - 2°s Anos B e D

Profª Sueli de Fatima Biondo
Turma: 2ºs Anos B e D

TSURU -  é uma ave de origem japonesa e sua figura é uma das mais populares e belas dentro do origami, simbolizando a paz, a saúde, a longevidade e a fortuna.


Analisando um vídeo para a realização do Tsuru.




A Lenda do Tsuru O Tsuru é um dos animais que simbolizam a mocidade eterna e felicidade da Ásia. Diz-se que ela vive 1000 anos. São, possivelmente, os pássaros mais velhos da Terra. Era considerado o pássaro companheiro dos eremitas que faziam meditação nas montanhas. Como esses eram eremitas místicos, que supunham terem poderes sobrenaturais para não envelhecer, o tsuru, passou a ser considerado um pássaro possuidor de vida longa. É uma das aves mais conhecidas do Oriente, perdendo apenas para a Fênix, a ave que renasce das cinzas. A cegonha é considerada a mãe de todas as aves e representa o canal entre o mundo dos vivos e dos mortos. Algumas vezes a imagem do tsuru é colocada em caixões, para que a alma do morto seja levada para o céu em suas costas. Como um símbolo de longevidade, os japoneses costumam presentear os amigos com uma dobradura de papel (origami) em forma de Tsuru. Dizem que se você conseguir dobrar mil tsurus (enquanto mentaliza um desejo), este desejo será realizado !

Quem foi SADAKO SASAKI?                           MONUMENTO DA PAZ
História de Sadako Sasaki
 Sadako Sasaki tinha dois anos de idade quando ela, sua mãe e seu irmão sobreviveram a uma bomba atômica em Hiroshima. Enquanto fugiam em direção ao rio Oto, no caminho, foram encharcados pela chuva preta radioativa que caiu naquele dia. Até os doze anos de idade ela teve seu desenvolvimento normal até que apresentou leucemia devido às radiações. Quando estava hospitalizada recebeu a visita de sua melhor amiga que lhe contou a lenda do tsuru e propôs que ela dobrasse os mil tsurus na intenção de obter cura. Ela começou a dobrar os tsurus, mas sua enfermidade agravava-se a cada dia e então ela disse aos tsurus: "Eu escreverei Paz em suas asas e você voará o mundo inteiro." Em 25 de outubro de 1955 ela faleceu e tinha conseguido fazer apenas 964 tsurus. Seus colegas de classe fizeram os restantes a tempo para seu enterro e iniciaram uma campanha nacional para construir um monumento em sua memória e de todas as crianças mortas ou feridas pelos efeitos da bomba. Estudantes de mais de 3000 escolas do Japão e de 9 outros países contribuíram e, em 5 de outubro de 1958, o Monumento de Paz das Crianças foi inaugurado no Parque da Paz de Hiroshima. Todos os anos no Dia da Paz (06/08) pessoas do mundo inteiro enviam tsurus de papel para o parque. Desde então o tsuru de papel tornou-se um símbolo internacional do movimento para desarmamento nuclear. Essa história não só representa a paciência, coragem, esperança e ativismo criativo em face à dor e à morte, como também representa o poder de crianças, que trabalhando juntas por uma causa comum, abriram um canal criativo para expressão pacífica do medo sobre a guerra e sobre a esperança por um mundo melhor.














Presentear uma pessoa com TSURU significa desejá-la os mais sinceros sentimentos de felicidade.

Afinal,
CRIANÇA QUER PAZ
CRIANÇA QUER SAÚDE
CRIANÇA QUER VIDA LONGA
CRIANÇA QUER FORTUNA

Tudo o que desejamos a você!

 ENTREGANDO OS TSURUS PARA PESSOAS DA COMUNIDADE ESCOLAR E ARREDORES DA ESCOLA:






Um comentário:

Anônimo disse...

Parabéns!
Que trabalho maravilhoso.
Um abraço
Prof Maria Cristina